Header Ads


Espaço Amigos da Literatura: "Prisioneiro dos meus pecados" - Portal Vany Musik

Por: Estevão Ngundia
Texto: João Angelino

Há muito tempo atrás, fomos definitivamente obrigados a matar pessoas, seres que têm vida, medos, preocupações e sentimentos , para salvaguardar a integridade territorial, para libertar os nossos compatriotas, em nome do país e da raça. Hoje, por está razão, sinto que Deus tem pena de nós e Satanás vê -nos como seus fraternos aliados. Ninguém, senão os tais tios Santas Barrigas que asseguram a faca e o queijinho, provocam a morte de muitos, eles, os tios Santas Barrigas assistem-na no sofá. De ninguém de todos que vão a guerra, são efectivamente culpados. Nós só fomos treinados para aniquilar, seja lá quem for, mas Deus é tão santo que não entende isso.

Recebíamos constantemente as chapadas do sofrimento humano para garantir um futuro promissor para as gerações vindouras. 

Não existe sofá melhor, senão mesmo uma consciência limpa, não matámos Jesus, mas também somos os culpados activos. 

As toneladas antecedentes de pecados subjazem-nos a um grilhão infinito de sofrimento .
Matem-nos se quiserem, mas não matámos Jesus...
Com tecnologia do Blogger.