Header Ads


Espaço Amigos da Literatura: "Insolidariedade" Por Aleluia Jacka - Portal Vany Musik

Por: Aleluia Jacka
Revisão: Portal Vany Musik

Não compreendo, não quero compreender a tamanha falta de solidariedade que caracteriza os meus compatriotas, à alguns meses atrás, travei um debate acérrimo e salutar com meus amigos no qual eu defendia com veemência, a premissa de que O ANGOLANO NÃO É SOLIDÁRIO, hoje nesta Crónica, reitero meu posicionamento. Na altura falávamos do acto do músico Dji Tafinha que mereceu partilha no meu mural e, do outro lado meus amigos, defendiam fortemente que ele não devia tornar à público aquele acto, meu argumento de razão até ao momento, prevalece, devemos partilhar o que é bom, espalhar AMOR e SOLIDARIEDADE, a esta sociedade que a cada dia o MAL toma conta dela, é um exercício salutar.

Não obstante os argumentos bíblicos de que quando uma mão dá, a outra não pode ver. Mas é um facto é preciso pregar o amor ao próximo, aos que não o têm.
Angola está como está, através da falta de amor ao próximo, quem vive com medo do futuro, abusa do seu título para subtrair, roubar o que serve para todos, não tem amor ao próximo, não pensa nos demais cidadãos que ficarão sem, trazendo consequências à suas famílias, fome, doenças e morte. 
.
Quem serve-se em vez de servir, não tem amor ao próximo, não é solidário. 
Aquele que quando está na copa rouba todos nacos de carne apenas deixa ossos para os demais, este não tem amor ao próximo, não é solidário. 
.
Por essas terras são poucos os que querem ver o outro em pé de igualdade, isto em todos os campos da vida, estamos armados em termos espírito de irmandade e solidariedade mas não é verdade, no fundo adoramos disparidades, ninguém quer ter a vida mísera do vizinho, ninguém quer ter o salário mísero do segurança, os estudantes na sua maioria não gostam ter a mesma nota, quando tu que se sente mais vivo que o outro consegue mesma nota que o menos vivo, os nervos soubem, a tendência é estar sempre num lugar, sozinho e bem posicionado. Mas esta é uma disparidade salutar, defendo. 
.
___________ __________
E desde o primeiro ciclo constato isso. 
----------------- --------------------
.
Estudar é difícil e quando terminar vou me vingar, deixando passar os outros no mesmo sofrimento que passei, muitos estudantes e professores ainda pensam assim...! 
Daí prevalecer, o seguinte, quando me formei, eles estavam aí no bairro em diversões hoje consegui alcançar meus objectivos, eles que se virem. Assim está indo a sociedade, o pequeno transforma-se no grande e faz o que os grandes fizeram à ele quando pequeno, resultado prevalece a falta de solidariedade entre nós...! Contextualizar o exemplo trazido.
.
As crianças que não partilham os seus brinquedos com os outros, são egocentristas, os líderes que não partilham o poder com os outros são egocentristas, e os egocentristas são perigosos, não vêm no outro a continuidade da espécie.
.
Não compreendo, não quero compreender, mas compreendo de graça receber de graça dar...!
Com tecnologia do Blogger.