Header Ads


Covid-19: Província do Huambo conta com Hospital para internar casos positivos - Portal Vany Musik

POR: Estevão Ngundia
FONTE: ANGOP/HUAMBO
Trata-se das infra-estruturas do futuro hospital municipal do Ecunha, construídas desde 2012, num investimento de 516 milhões, 957 mil e 751 Kwanzas.
Orientou o acto de entrega provisória do empreendimento hospitalar, o vice-governador local para os serviços Técnicos e Infra-estruturas, Leonardo Severino Sapalo.
A unidade hospitalar está apetrechada com equipamentos modernos e tecnologias de ponta para reanimação cardiovascular, respiratória e outros materiais de controlo de sinais vitais: frequências respiratórias, cardíaca e temperatura corporal, bem como a tensão arterial.
Além das 74 camas, a infra-estrutura, conta com um bloco operatório, laboratório, área para consultas externas, lavandaria, cozinha, duas enfermarias (para homens e mulheres), pediatria, serviços de oftalmologia, uma morgue, entre outros serviços indispensáveis para o seu normal funcionamento.
Na ocasião, o chefe de departamento para área de Inspecção do Gabinete da Saúde no Huambo, Jaime David Muenhombo, assegurou que a unidade hospitalar reúne condições para atender possíveis casos supositivos da pandemia do Covid-19.
Além do hospital do Ecunha, 42 quilómetros da cidade do Huambo, a província conta igualmente com a unidade sanitária do Caminho-de-Ferro de Benguela (CFB), na capital do planalto central.
Quanto aos locais de quarentena institucional, as autoridades têm criados três pontos: no Hotel IU, com 72 quartos, os centros de Ecologia Tropical e Alterações Climáticas (CETAC), com 27 suites, e de Aconselhamento do Gabinete da Acção Social, Família e Igualdade do Género.
Além destes locais, o planalto central, com 27 casos suspeitos e quarentena domiciliar, conta também com os centros de transição dos hospitais Central, Sanatório e municipal do Huambo, este, por sua vez, localizado no Cambiote.
Angola tem cinco infectados pelo Covid-19, enquanto pelo Mundo cerca de 500 mil pessoas estão na mesma condição, uma pandemia que já provocou a morte de mais de 20 mil cidadãos.

VISTA PARCIAL DA CIDADE DO HUAMBO
Com tecnologia do Blogger.